quinta, 24 de abril de 2014
LER DORT - Cuidados para sua saúde
CRM
e-mail
senha

É preciso preencher/cadastrar os dados acima para acesso.

LER DORT
LeituraDiminuir letraAumentar letra Versão para Impressão Indicar

Síndrome do Túnel do Carpo

O túnel do carpo é um canal situado ao nível do punho e formado em sua base pelos ossos do carpo, e em sua parte superior ou teto, por ligamento denominado ligamento transverso do carpo. É através dele que passa o nervo mediano, nervo este responsável pela inervação de parte da mão. É ele responsável pela inervação do polegar (1º dedo), do indicador (2º dedo) do dedo médio (3º dedo) e a face interna do anular (4º dedo).

Pelo interior do canal do carpo passam os tendões flexores dos dedos e o Nervo Mediano.

Por ser o Túnel do Carpo anatomicamente formado por um assoalho ósseo rígido (ossos do carpo) e por um teto também rígido e inelástico (ligamento transverso do carpo), qualquer aumento de volume de alguma das estruturas que passam através dele pode desenvolver uma sintomatologia compressiva do Nervo Mediano.

Se lembrarmos que os tendões são estruturas envolvidas por uma membrana sinovial, a qual fabrica o líquido sinovial que possui como função básica nutrição e lubrificação, e que qualquer estímulo anormal sistêmico ou localizado quer seja infeccioso, hormonal, metabólico, traumático, tumoral, medicamentoso e imunológico pode fazer com que haja uma maior produção de líquido sinovial temos, quando isto ocorre, um aumento de volume das estruturas que passam pelo canal do carpo, ocasionando a compressão do Nervo Mediano.

É a Síndrome do Túnel do Carpo uma das síndromes compressivas dos MMSS (membros superiores), sendo que são hoje listadas mais de 100 causas desencadeantes desta alteração. A sintomatologia decorrente da Síndrome do Túnel do Carpo está relacionada ao grau da compressão, podendo ocasionar sintomas sensitivos, motores ou a combinação de ambos.

Como em qualquer síndrome compressiva, a confirmação diagnóstica é feita através da Eletroneuromiografia (ENMG) que revelará os achados característicos. Uma vez firmado o diagnóstico da compressão impõem-se o reconhecimento da causa que levou à mesma, para uma correta abordagem medicamentosa. O tratamento cirúrgico descompressivo, quando necessário, deve ser realizado.

É a Síndrome do Túnel do carpo uma doença auto limitada com recuperação total, quando abordada de maneira rápida e eficiente.

Mais comum em mulheres e com maior prevalência entre a 4ª e 5ª década da vida, possui nas alterações Hormonais da Pré-menopausa e da Menopausa, bem como nas doenças Metabólicas, sua maior causa.

Podem as Síndromes do túnel do Carpo serem uni ou bilaterais, sendo que na maioria das vezes são elas Bilaterais, estando associadas a fatores sistêmicos. Nos casos de síndromes do túnel do carpo unilaterais devem os especialistas pensar sempre nos fatores traumáticos (micro traumas de repetição ou macro traumas), devendo todas as vezes ser investigado se estes ocorreram ou não como conseqüência do trabalho. Não deve ser esquecidas algumas alterações importantes como os tumores localizados, os cistos sinoviais e as hipertrofias musculares.

Bastante conhecida de todos os Ginecologistas, a Síndrome do Túnel do Carpo Gestacional é uma patologia frequente, acometendo mulheres no segundo trimestre da Gravidez, época esta em que inicia-se por vezes, uma maior retenção hídrica secundária às alterações hormonais da Gravidez.

Diante de um caso de Síndrome do Túnel do Carpo cabe ao especialista tentar descartar o maior número possível de doenças que podem cursar com esta sintomatologia compressiva e só firmar o diagnóstico da sua origem profissional após exclusão das causas não profissionais, e a verificação, in loco, da relação causa efeito entre o trabalho e a lesão.

Inúmeros especialistas não afeitos à importância dos diagnósticos diferenciais desta doença rotulam seus pacientes como portadores de LER/DORT, causando prejuízos irreparáveis para as empresas, pacientes e contribuintes.

Dr. Antonio Carlos Novaes
Especialista em Reumatologia e Medicina do Trabalho


Todos os direitos reserevados - Proibida a Reprodução Parcial ou Total
Projeto NG Sites